Acolhimento a viúvas e viúvos: seg. a sexta das 08h às 12h
Rua Barão de Paranapanema, n. 146, Bloco B, Sala 62, Bosque, Campinas - SP

Depoimento Rafaela Oliveira

Recomeço

Olá …

Me vi viúva aos 27 anos, paralisei numa noite chuvosa de inverno…

Já marcava 3:00 hrs da madrugada, quando perdi meu chão, meu coração pulou pela boca e voltou em uma fração de segundos…

Vi minha história passar como um filme em câmera lenta. Eu gritava, mas não ouvia minha voz, as pessoas em minha volta perderam a velocidade e só via lágrimas escorrendo em todos os rostos…

Foi como pular de um penhasco muito alto, quando então caí na realidade, ouvia soluços, ouvia meus gritos de desespero, minhas mãos que não paravam de me apertar. A vontade era de tirar aquela dor de dentro do meu coração, mas ela não saía, e mesmo querendo ajuda eu sabia que

nada que fizessem poderia me ajudar.

Foram dores que eu jamais tinha imaginado sentir. Foram dias e meses que me machucaram muito.

Eu e minha filha de 8 anos, sozinhas e sem saber o que fazer…

Tudo havia desmoronado, nossa família havia se desfeito, nossos sonhos haviam se perdido, o par da valsa de 15 anos da minha filha tinha ido embora pra sempre.

Foram momentos horríveis. Pessoas que não passaram por isso nunca irão saber como é tamanha dor e sofrimento!

Foram tempos em que precisei me apegar em qualquer vestígio de vida pra poder continuar…

Emagreci mais de 10 quilos, não dormia, não tinha perspectiva alguma…

Nunca no meu pior pesadelo imaginei passar por isso, como pode?

Seu mundo destruído em um minuto?

Sem a menor chance de você impedir…

Sem a menor chance de você argumentar?…

Mas acredito em destinos…

Hoje com mais calma e lições, acredito que meu falecido marido teve que ir e o que ele tinha pra fazer foi feito lindamente.

Eu e minha filha ficamos com um pedacinho da nossa história perdido, porém ficamos pra reconstruir e seguir nossos caminhos.

Foi em meio a tanta dor e medo, que apareceu um anjo pra me apoiar…

Ele foi meu amigo…

Apareceu do nada, mas fez muito por mim, fez meu coração bater de novo, aceitou minha história, aceitou minhas preocupações, aceitou me esperar até que eu estivesse refeita pra poder viver a nossa história juntos…

Foram meses e dias de muita paciência, choros, medos e dúvidas.

Foi num dia de sol que decidi me permitir, viver uma nova história, me permitir ser feliz novamente, porque eu merecia…

Uns podem dizer ser cedo demais, outros que não existiu amor, na verdade vão dizer de um tudo, mas eu sei os eternos dias de angústia que passei, que tive que suportar pra continuar de pé e sei tudo que mereço, pois ainda eu estou viva.

E me permitir ser feliz de novo, não quer dizer falta de respeito ou coisa parecida, quer dizer que eu tirei uma lição disso tudo, a vida é curta e ela não para pra você sofrer, ela continua, então viva da melhor maneira pra você.

Estou vivendo um dia por vez!

Estou feliz!

Estou noiva de uma pessoa que me acolheu junto de tudo que eu trazia na bagagem.

Por isso eu digo pra você que está passando pelo luto, viva um dia por vez, mas não se acomode na dor, existem dias melhores pra você…

Não se anulem por causa de pessoas ignorantes…

Se libertar foi e é a melhor coisa que fiz…

Recomendo!!!

Etiquetas: , ,

  • R. Barão de Paranapanema, n. 146, Bloco B, Sala 62, Bosque, Campinas - SP
  • (19) 99304-2682 ou (19) 3368-4710
  • contato@acolhecomamor.com.br
  • Devido a pandemia não temos atendimento presencial, somente on-line