Acolhimento a viúvas e viúvos: seg. a sexta das 08h às 12h
Rua Barão de Paranapanema, n. 146, Bloco B, Sala 62, Bosque, Campinas - SP

Depoimento Michelle Nathyala

Meu nome é Michelle Nathyala.

Eu e Murillo nos conhecemos no auge da adolescência, eu com 16 e ele 18 anos.

Foram 13 anos e 9 meses de história. Murillo era falante, falava alto e tinha um sorriso lindo, largo e branco, era difícil de encontrar ele de mau humor!

Ele amava jogar bola e era torcedor doente do Vasco da Gama, fazia amizade fácil. Era tão lindo, tão extrovertido, a casa nunca ficava em silencio com ele, sempre estava ouvindo música, música alta.

A minha conexão com ele era forte, nos conhecíamos pelo olhar, ele sabia tudo o que eu estava pensando. Eu sempre brincava com ele: Advinha o que quero comer? Ele acertava! (risos)

Murillo realizou muitos sonhos, um deles, ser PAI. Tivemos nossa menina, tão planejada e sonhada. Ele escolheu o nome: Anna Beatriz, que veio a cópia dele.

No dia 07 de junho de 2020 fiquei viúva, aos 29 anos. O relógio marcou 04:38 da madrugada quando ouvi o Médico do SAMU falar: Posso declarar o óbito?

Eu saí do quarto, meu coração parou por frações de segundos. Vi nossa história passar como um filme na minha cabeça. Eu queria gritar, não conseguia, ao mesmo tempo minha mente gritava pra que eu acordasse daquele pesadelo, o médico veio até mim, me entregou a aliança, não era um pesadelo.

A vontade era de arrancar aquele dor do meu peito.

Ele se foi aos 32 anos, dormindo, de um infarto fulminante, vi tudo, não pude fazer nada pra salvá-lo, foi desesperador!  Ficamos impotentes diante da morte.

Minha filha tinha acabado de perder seu parceiro de aventuras, seu herói, seu pai que fazia de tudo e mais um pouco por ela, por nós!

E eu?! Perdi meu amor, meu melhor amigo, meu esposo, pai da minha filha, a pessoa que mais me conhecia nesse mundo, conhecia tanto de mim, todos os meus sonhos, medos e inseguranças.

E hoje, 06 meses depois, meio ano depois, ainda tento assimilar tudo isso, e como minha vida virou de cabeça para baixo em 30 minutos naquela madrugada. Não sou mais a mesma, me sinto perdida sem ele, mas sei que a vida me escolheu pra continuar. Nossa família de 3 não existe mais, agora somos só nós duas, uma família de duas.

Deus precisava de você aí Mô, da sua alegria. Tenho certeza que o céu está mais animado, e você está contando suas aventuras aqui nessa vida.

E eu também precisava, tudo aqui é muito silencioso sem você!

Cuida de nós como sempre fez.

Etiquetas:

  • R. Barão de Paranapanema, n. 146, Bloco B, Sala 62, Bosque, Campinas - SP
  • (19) 99304-2682 ou (19) 3368-4710
  • contato@acolhecomamor.com.br
  • Horário Funcionamento: segunda, quarta e sexta das 08h às 12h.